Ronaldo se prepara para retornar a Portugal na fase a eliminar da Liga dos Campeões, enquanto a Juventus luta para se manter entre a elite europeia.

Cristiano Ronaldo regressa ao seu país natal, Portugal, pela primeira vez como jogador da Juventus, numa altura em que a sua equipa enfrenta o Porto na quarta-feira, enquanto o gigante italiano compete para se equiparar aos clubes mais fortes da Europa na Liga dos Campeões.

Em campo, a Juventus ainda está de pé sob o comando do técnico estreante Andrea Pirlo, mas anseia pela glória europeia mais do que qualquer coisa, depois de perder cinco finais da Liga dos Campeões desde que conquistou o título em 1996.

Enquanto isso, fora de campo, o capitão Andrea Agnelli é uma das principais figuras por trás dos planos para reformar a competição de clubes de elite do continente.

Agnelli, o influente presidente da European Club Association, sempre foi um grande apoiador da Champions League, garantindo o acesso a uma minoria da elite e dificultando a adesão de outros clubes.

Em meio a uma Superliga separatista que sem dúvida mostrará seu clube, o mais rico e bem-sucedido da Itália, o jogador de 45 anos deu seu apoio para expandir a Liga dos Campeões a partir de 2024, garantindo mais jogos e, no final, mais dinheiro .

“Acho que é nosso dever pensar no futuro e garantir que o futebol continue sendo o melhor esporte do mundo”, disse Agnelli recentemente, ao contemplar os desafios de tentar garantir que a Geração Z não perca o interesse pelo esporte.

“Tudo deve ser baseado no mérito desportivo, mas temos de nos lembrar do paradeiro dos nossos adeptos no futuro. O nosso ponto forte é acolher mais jogos europeus.”

A Juventus dominou o campeonato italiano na última década, sem nunca ter conseguido vencer a Liga dos Campeões. Entretanto, o Porto é o único clube fora das chamadas “Big Five” das oitavas-de-final desta temporada. Ambos ganharam a Copa da Europa duas vezes.

READ  As novas cabras das cabras? Tom Brady sobe na lista com uma vitória no Super Bowl LV

Para o Torino, o sucesso na Europa nesta temporada é ainda mais importante, já que seu domínio doméstico mostra sinais de fraqueza sob Pirlo, com esperanças de vencer o Scudetto pela décima vez consecutiva.

A derrota por 1 a 0 para o Napoli no sábado deixou a Juventus oito pontos atrás do líder Inter de Milão, embora com um jogo a menos.

Ronaldo insistiu que “esta derrota não nos desiludirá”.

“Vamos levantar a cabeça e pensar na Champions League.”

Entretanto, o Porto empatou os últimos quatro jogos a nível nacional e está a dez pontos do líder do campeonato, o Sporting Lisboa.

As esperanças da Juventus residirão em Ronaldo, pentacampeão da Bola de Ouro, artilheiro da Liga dos Campeões com 134 gols, assinado pelo Real Madrid em 2018 para lhe entregar o troféu.

Ronaldo defronta uma equipa portuguesa pela primeira vez desde 2016, quando venceu o Real Madrid sobre o seu antigo clube, o Sporting, por 2-1.

Mas sua última visita da Champions League ao Estádio do Dragão retorna às quartas de final, a segunda mão de abril de 2009 com o Manchester United.

Foi um empate em 2–2 após a difícil primeira mão em Old Trafford.

Porém, aos seis minutos, Ronaldo recolheu a bola a 35 metros de distância para disparar um raio que fez o único golo do encontro e mandou a sua equipa passar.

Ronaldo disputou 12 jogos europeus frente a equipas portuguesas divididas entre Benfica, Porto e Sporting. Ele tem quatro gols contra eles e muitas assistências.

“Espero ganhar, mas sabemos que vai ser muito difícil”, disse o capitão do FC Porto, Pepe, ao UEFA.com.

O jogador de 37 anos jogou ao lado do internacional português Ronaldo em Madrid, onde juntos conquistaram três títulos da Liga dos Campeões.

READ  Autoridades brasileiras alertam para confronto entre a população indígena e os mineiros

“Na minha opinião, eles têm o melhor jogador do mundo e esse é Cristiano Ronaldo”, continuou o zagueiro brasileiro.

“Eu não tinha jogado contra ele antes. Então, nosso trabalho conosco parou.

“Vai ser um jogo especial entre Porto e Juventus, mais do que Pepe e Ronaldo.

“O Porto ainda não derrotou a Juventus. Espero que seja a primeira vez.”

Teremos o maior prazer em ouvir seus pensamentos

Deixe uma Comentário

N1 Sergipe