Rodovia Anchieta-Imigrantes receberá US $ 200 milhões em novos investimentos

A operadora rodoviária brasileira Ecorodovias e o estado de São Paulo chegaram a um acordo para resolver algumas obrigações regulatórias, resultando em um investimento adicional de 1,1 bilhão de reais (US $ 202 milhões) no sistema rodoviário Anchieta-Imigrantes.

Pelo acordo, a Ecorodovias, por meio de sua controlada Ecovias, terá a extensão do contrato de concessão prorrogado até 2033. Originalmente, o contrato teria expirado em 2026.

O Anchieta-Imigrantes é o maior contrato de concessão do grupo Ecorodovias, representando 37% do Ebitda 2020 das nove concessões de rodovias da empresa.

A rota de 177 km conecta a cidade de São Paulo às áreas costeiras, incluindo o porto mais movimentado da América Latina, Santos.

Como parte do negócio, a Ecorodovias pagará uma taxa adicional ao governo do estado de 613 milhões de reais.

“O governo de São Paulo está feliz com a conciliação. Todos ganham, principalmente os usuários das rodovias Anchieta-Imigrantes”, disse o governador João Doria em nota.

O acordo faz parte de uma série de negociações que o estado mantém com as concessionárias para dirimir disputas judiciais e desencadear novos investimentos em rodovias.

A Ecorodovias e o estado disputavam desde 2006 certas obrigações da empresa.

“O acordo representa um marco para o programa de concessões rodoviárias de São Paulo que visa resolver passivos passados ​​e oferecer ampla segurança jurídica na ampliação do portfólio de projetos rodoviários”, disse a Agência Paulista de Transportes Artesp.

READ  Bolsonaro fica de fora da cúpula do clima; Itamaraty tenta solução - 10/12/2020

Teremos o maior prazer em ouvir seus pensamentos

Deixe uma Comentário

N1 Sergipe