Messi, rei da América do Sul

Leo messi finalmente tem as mãos no Copa américa. Depois de perder as finais em 2007, 2015 e 2016 (além da derrota na final da Copa do Mundo em 2014) ele agora tem um título importante a nível internacional.

Sua contribuição para a vitória de MVP do torneio foi um grande fator para encerrar uma seca de títulos argentinos que remontava a 1993. O capitão e a alma da equipe terminou o torneio como artilheiro (4) e também foi o melhor em assistências (5). Isso significa que ele teve uma participação em nove dos 12 gols marcados pela Argentina, jogando todos os minutos do torneio e quebrando o recorde de jogos pela Argentina no processo.

Tudo começou contra Chile na fase de grupos e um gol fabuloso de cobrança de falta direta, embora o jogo tenha terminado em 1-1. Contra ambos Uruguai e Paraguai, houve gols precoces em jogos que terminaram com vitórias por 1-0.

Com a classificação já assegurada, Argentina se divertiu contra Bolívia, com Messi bisando e dando uma assistência, tudo antes do intervalo. Messi foi excelente contra Equador nas quartas de final, dando duas assistências e marcando uma para si mesmo.

Colômbia foi o adversário nas semifinais, e aquele foi para os pênaltis. Messi converteu o seu, e a Argentina chegou à final contra o país anfitrião Brasil. Vencendo por 1 a 0, Messi teve a chance de marcar um segundo definitivo a alguns instantes do fim, embora sua equipe acabasse se apegando à conquista do troféu.

Por fim, Leo Messi tem uma das medalhas vencedoras que mais almeja – o título continental sul-americano.

Teremos o maior prazer em ouvir seus pensamentos

Deixe uma Comentário


Copyright © N1 Sergipe.
n1sergipe.com.br is a participant in the Amazon Services LLC Associates Program, an affiliate advertising program designed to provide a means for sites to earn advertising fees by advertising and linking to Amazon.com.br. Amazon, the Amazon logo, AmazonSupply, and the AmazonSupply logo are trademarks of Amazon.com, Inc. or its affiliates.
….
N1 Sergipe