Cruzeiro vira a Ponte Preta e o acesso à Série A complica

O cruzeiro Ficou ainda mais complicado na Série B do Campeonato Brasileiro e a cada tropeço ele vê suas chances de acesso diminuindo. Hoje (22), o Raposa perdeu por 2 a 1 para a Ponte Preta, no estádio Moisés Lucarelli, pela 31ª rodada, e terá que vencer todos os jogos restantes – sete partidas -, além de torcer por combinações matemáticas, para quem sabe como voltar à elite do Brasileirão. Uma missão muito complicada.

Os gols da partida foram marcados por Manoel, do lado celestial, com Luizão e Bruno Rodrigues marcando para a Macaca.

Com a derrota o Cruzeiro para nos 40 pontos e cai uma posição na tabela (11º). Ponte sobe na classificação, chega a 46 pontos e chega à sexta colocação.

A próxima partida do Cruzeiro é contra o Cuiabá, nesta terça-feira (29), às 21h30, no estádio Independência, em Belo Horizonte. Já a Ponte Preta visita o Juventude nesta quarta-feira (30), no Alfredo Jaconi, em Caxias do Sul, às 17h.

O jogo

O Cruzeiro apresentou a mesma característica que apresenta desde a chegada de Luiz Felipe Scolari, a de uma equipe forte nas jogadas aéreas ofensivas. Tanto é que foi assim, mais uma vez, que abriu o placar no início do jogo. Filipe Machado encurralou o lado esquerdo da ofensiva celeste e encontrou Manoel dentro da área. O zagueiro, bem posicionado, desviou para o gol de Ygor.

Apesar de começar a vencer, o time celestial perdeu sua força ofensiva durante a partida e chamou a Ponte Preta para o ataque. No primeiro tempo a equipe campineira teve 72% de posse de bola segundo o site SofaScore, especialista em estatísticas de futebol.

O que pesou a favor do Cruzeiro foi a força defensiva da equipe, que apesar das tentativas de pressão do Macaca, segurou bem o adversário. Mas depois do gol, Fox desistiu do ataque. Tática arriscada, já que deixar a bola com o adversário está dando ao rival mais chances ofensivas. E foi assim que a Ponte desenhou, aproveitando uma falha defensiva no céu. Luizão, mostrando que a “Lei do ex” é implacável, deixou tudo igual.

READ  30 Melhor Feliz Por Nada para você

Com o Cruzeiro perdendo muita produção o time da casa ainda virou o placar. Bruno Rodrigues aproveitou a falha do céu e fez 2 a 1.

Quem se saiu bem: Luizão e Bruno Rodrigues

O zagueiro Luizão e o meia Bruno Rodrigues mostraram determinação e tiveram a sorte de virar o jogo a favor da Ponte Preta. Por sua dedicação e dedicação, ganharam destaque em suas apresentações.

Quem estava errado: Airton

Se nos primeiros jogos com Felipão no comando do time o atacante era um “talismã”, nos últimos jogos, principalmente no jogo contra a Ponte Preta, o futebol de Airton caiu muito. O jogador perdeu muita produção e perdeu força ofensiva, deixando de ajudar seu time.

Cronologia do jogo:

Aos oito minutos do primeiro tempo, Filipe Machado cobrou escanteio e Manoel, bem posicionado, desviou para o fundo da rede. Ygor: 0 a 1.

Aos 20 minutos do segundo tempo o empate da Ponte Preta, aos pés de um ex-jogador do Cruzeiro, o zagueiro Luizão, provou a tese de que a “lei do ex” é implacável.

Aos 25 minutos é a vez da Macaca. Bruno Rodrigues cruza para a área, o zagueiro bate na cabeça e a bola entra no gol, surpreendendo Lucas França.

FICHA DE DADOS:

BLACK BRIDGE 2 X 1 CRUZEIRO

Razão: 31ª rodada da série B do campeonato brasileiro
Local: Estádio Moses Lucarelli, dentro Campinas, sp)
Data e hora: 22 de dezembro de 2020, às 21h30 (horário de Brasília)
Juiz: Ramon Abatido Abel (SC / CBF)
Assistentes: Alex dos Santos (CBF / SC) e Helton Nunes (SC / CBF)
Objetivo: Manoel (8 ‘1º T); Luizão (20 2º T), Bruno Rodrigues (25 ‘2º T)
Cartão amarelo: Vinícius Zanocelo (SEG); Airton, Giovanni (CRU)
Cartão vermelho:

PONTE PRETA: Ygor Vines; Apodi, Luizão, Ruan Renato e Guilherme Lazaroni; Barreto, Vinícius Zanocelo e Camilo (Bruno Reis); Moisés (Guilherme Pato), Bruno Rodrigues (Yuri) e Matheus Peixoto (Wanderlei). Técnico: Fábio Moreno.

READ  Futebol - Brasil abandona planos de ter torcedores nas eliminatórias argentinas | The Mighty 790 KFGO

CRUZEIRO: Lucas França; Cáceres, Manoel, Ramon e Matheus Pereira; Adriano, Jadsom Silva (Régis) e Filipe Machado (Giovanni); Airton (Arthur Caíke), William Pottker e Thiago (Sassá). Técnico: Luiz Felipe Scolari.

Teremos o maior prazer em ouvir seus pensamentos

Deixe uma Comentário

N1SERGIPE.COM.BR PARTICIPE DO PROGRAMA ASSOCIADO DA AMAZON SERVICES LLC, UM PROGRAMA DE PUBLICIDADE DE AFILIADOS PROJETADO PARA FORNECER AOS SITES UM MEIO DE GANHAR CUSTOS DE PUBLICIDADE DENTRO E EM CONEXÃO COM AMAZON.IT. AMAZON, O LOGOTIPO AMAZON, AMAZONSUPPLY E O LOGOTIPO AMAZONSUPPLY SÃO MARCAS REGISTRADAS DA AMAZON.IT, INC. OU SUAS AFILIADAS. COMO ASSOCIADO DA AMAZON, GANHAMOS COMISSÕES DE AFILIADOS EM COMPRAS ELEGÍVEIS. OBRIGADO AMAZON POR NOS AJUDAR A PAGAR AS TAXAS DO NOSSO SITE! TODAS AS IMAGENS DE PRODUTOS SÃO DE PROPRIEDADE DA AMAZON.IT E DE SEUS VENDEDORES.
N1 Sergipe