Candidato brasileiro desiste de disputa para apoiar candidatura de Lula

SÃO PAULO (AP) – O ex-presidente do Brasil Luiz Inácio Lula da Silva, que está em campanha para retornar ao cargo que ocupou entre 2003 e 2010, recebeu nesta quinta-feira um endosso do moderado André Janones, que era esperado para se candidatar.

Da Silva, que é comumente conhecido como Lula, e Janones fizeram o anúncio em uma transmissão ao vivo, pouco antes de uma entrevista coletiva em São Paulo.

“Eu paro minha candidatura e a unifico com a do ex-presidente Lula”, disse Janones, um fenômeno de mídia social com 2 milhões de seguidores no Instagram e 8 milhões no Facebook.

Ex-membro do Partido dos Trabalhadores de Lula, Janones se separou anos atrás para construir uma plataforma política mais moderada e usou as mídias sociais para alcançar os brasileiros mais pobres, abordando questões de bolso.

Seu endosso pode ajudar a aproximar o ex-líder de esquerda de uma vitória definitiva contra Bolsonaro, sem a necessidade de um segundo turno. Da Silva atualmente lidera todas as pesquisas; a mais recente pesquisa do Datafolha o mostrou com 47% de apoio na votação de primeiro turno em 3 de outubro.

Por outro lado, a mesma pesquisa mostrou Janones com 2% de apoio. Foi realizado nos dias 27 e 28 de julho e tem margem de erro de 2 pontos percentuais para mais ou para menos.

Na quinta-feira, Janones também disse que não poderia apoiar Bolsonaro, a quem acusou de aumentar os gastos até o final do ano apenas para aumentar suas chances de reeleição.

“Não posso apoiar um presidente que usou a fome do povo para aumentar suas chances”, disse Janones.

Carlos Melo, professor de ciência política da Universidade Insper, em São Paulo, acredita que o apoio de Janones pode impulsionar Lula, já que o parlamentar é o primeiro candidato presidencial a encerrar sua campanha de apoio ao ex-presidente.

READ  Eytys 'EY!' Revista Calendário "De volta ao Brasil!"

A mídia brasileira está relatando que outros potenciais candidatos com números baixos nas pesquisas podem fazer o mesmo nos próximos dias.

“Isso coloca mais pressão sobre outros candidatos que têm mais apoio, mas não o suficiente para ir ao segundo turno, incluindo a senadora Simone Tebet, que tem cerca de 4% nas pesquisas, e o ex-ministro Ciro Gomes, com cerca de 8%”, disse Melo. “Esse movimento pode ter um impacto mais político do que matemático. Isso ajuda a criar uma atmosfera de que esta eleição deve terminar no primeiro turno.”

A candidatura de Lula garantiu o apoio de nove partidos do fragmentado sistema partidário brasileiro.

Teremos o maior prazer em ouvir seus pensamentos

Deixe uma Comentário

N1SERGIPE.COM.BR PARTICIPE DO PROGRAMA ASSOCIADO DA AMAZON SERVICES LLC, UM PROGRAMA DE PUBLICIDADE DE AFILIADOS PROJETADO PARA FORNECER AOS SITES UM MEIO DE GANHAR CUSTOS DE PUBLICIDADE DENTRO E EM CONEXÃO COM AMAZON.IT. AMAZON, O LOGOTIPO AMAZON, AMAZONSUPPLY E O LOGOTIPO AMAZONSUPPLY SÃO MARCAS REGISTRADAS DA AMAZON.IT, INC. OU SUAS AFILIADAS. COMO ASSOCIADO DA AMAZON, GANHAMOS COMISSÕES DE AFILIADOS EM COMPRAS ELEGÍVEIS. OBRIGADO AMAZON POR NOS AJUDAR A PAGAR AS TAXAS DO NOSSO SITE! TODAS AS IMAGENS DE PRODUTOS SÃO DE PROPRIEDADE DA AMAZON.IT E DE SEUS VENDEDORES.
N1 Sergipe