Brasil concede ampla autorização para termelétricas em caso de seca

A fumaça sobe durante a seca, altas temperaturas e baixa umidade em Brasília, Brasil, 30 de agosto de 2017. REUTERS / Ueslei Marcelino / Foto de arquivo

O Brasil autorizou na segunda-feira o funcionamento de termelétricas sem contrato por até seis meses “em caráter excepcional e temporário” devido à pior seca em quase um século.

A seca reduziu os reservatórios e levantou preocupações sobre o fornecimento de energia hidrelétrica. A autorização publicada no Diário Oficial da União abrange todas as termelétricas, não apenas as movidas a gás como inicialmente planejado, e inclui outras fontes de combustível mais caras.

A medida permitirá que as térmicas que não possuem contrato de comercialização de energia incluam na receita a que têm direito de receber os custos fixos no momento da operação, o chamado Custo Variável Unitário (CVU).

As termelétricas podem ser acionadas nessas condições por até seis meses, embora a medida permita uma prorrogação.

Os custos fixos que podem ser incluídos pelas usinas sem contrato acabarão sendo pagos pelos consumidores, disse o analista de energia Urias Martiniano.

O sistema elétrico do Brasil tem sido pressionado pela menor quantidade de chuvas desde 1930, e isso exigiu que a geração termelétrica entre em ação para atender à demanda desde outubro passado, o que aumentou as taxas devido aos custos mais altos.

O governo afirmou que medidas adicionais serão necessárias para garantir o abastecimento de energia.

O Comitê de Monitoramento do Setor Elétrico (CMSE), liderado pelo Ministro de Minas e Energia, tem defendido nas últimas semanas a necessidade de amenizar as condições de operação de algumas hidrelétricas.

No sábado, o operador nacional da rede (ONS) disse que as medidas tomadas vão garantir o fornecimento de energia no Brasil este ano, embora tenha admitido o risco de escassez no período de junho a novembro. .

READ  Como assistir Brasil x Equador na Copa América 2021 da Índia?

Entre as ações que estão sendo tomadas, a agência destacou a flexibilização das restrições para barragens nas bacias dos rios São Francisco e Paraná, aumento da geração térmica com garantia de abastecimento de combustíveis e importação de energia da Argentina e do Uruguai.

Nossos padrões: Princípios de confiança da Thomson Reuters.

Teremos o maior prazer em ouvir seus pensamentos

Deixe uma Comentário


Copyright © N1 Sergipe.
n1sergipe.com.br is a participant in the Amazon Services LLC Associates Program, an affiliate advertising program designed to provide a means for sites to earn advertising fees by advertising and linking to Amazon.com.br. Amazon, the Amazon logo, AmazonSupply, and the AmazonSupply logo are trademarks of Amazon.com, Inc. or its affiliates.
….
N1 Sergipe