A surpreendente admissão de Costa sobre a terrível perda

Paulo Costa afirma que ainda estava bêbado quando Israel lutou contra Adesanya no UFC 253. Foto: Getty

O brasileiro Paulo Costa deu uma desculpa esplêndida para sua derrota contra o lutador kiwi Israel Adesania no UFC 253 em setembro.

Costa participou da luta contra o Abu Dhabi sem perder nenhuma luta no UFC, mas o campeão dos médios Adesanya bateu o recorde de invencibilidade. Certo.

O Kiwi deu um chute após um chute preciso antes de bater em Costa no segundo round com seu poderoso gancho de esquerda que derrubou o brasileiro.

‘Em algo’: Paul Gallen foi baleado pela droga de Lucas Brown

Oh meu Deus: Comemore o embaraçoso homem da montanha de 180 kg falhar

Vai: Resposta hilária de Miley Cyrus à pergunta do lutador do UFC sobre o Dia dos Namorados

“The Last Stylebender” rapidamente saltou e deu vários socos no chão e uma libra antes que o árbitro Jason Herzog parasse a luta.

Adesanya então gerou polêmica com uma comemoração cafona pós-luta que deixou Costa furioso.

O brasileiro chamou o campeão peso médio de “lixo humano” e exigiu ser recompensado novamente.

Agora, o jogador de 29 anos deu uma explicação surpreendente para sua derrota no segundo turno, alegando que ele bebeu muito antes da luta.

Costa “um pouco bêbado” quando lutou

O brasileiro afirma que bebeu “muito vinho” para adormecer na noite anterior à luta, pois um problema na perna o impedia de fazê-lo naturalmente.

READ  O São Paulo contratou o argentino Crespo como técnico

“Eu estava um pouco bêbado quando lutei.” “Talvez eu tenha um pouco de ressaca”, disse Costa em seu canal no Youtube.

Não conseguia dormir devido a cãibras nas pernas. Lembro que a briga era às nove da manhã e tínhamos que acordar às cinco da manhã para nos arrumar, esticar e enfaixar as mãos ”, continuou.

“O UFC nos disse para acordar às 5 da manhã para ir para a arena em que lutamos. Não dormi até as 2h30.

A culpa foi minha e não culpo ninguém por isso, foi algo que me peguei, mas tive que adormecer porque não fazia isso havia 24 horas.

Israel Adesanya é visto aqui chutando Paulo Costa na luta pelo título dos médios do UFC 253.

Israel Adesanya quebrou a invencibilidade de Paolo Costa. Segunda rodada de nocaute técnico no UFC 253. Foto: Getty

“Você bebeu vinho. Vinho demais. Uma garrafa inteira de vinho para adormecer. Você tomou um gole e não funcionou. Dois drinques não funcionaram. Metade da garrafa não funcionou. No final, você bebeu tudo. “

Adesanya chegou a 20-0 em sua carreira após a vitória impressionante sobre Costa, que então prometeu estar no seu melhor se voltasse ao octógono.

“Eu quero a revanche.” Costa disse: “Você sabe que estou esperando por você.

“Aconteceu alguma coisa antes da luta, não estou [making] Com licença, ao meu povo e aos meus fãs, mas estarei 100% em lutar contra ele e fazê-lo pagar. Esta é minha palavra. Salve minhas palavras. “

Adesanya, da Costa, o alcançou na hora e disse que não teria problemas para revanche.

“Posso impedi-lo de novo”, escreveu Adesanya a Costa. “Não gosto.”

Clique aqui Assine nosso boletim informativo para obter as últimas notícias da Austrália e de todo o mundo.

READ  Pirlo, técnico da Juventus, "feliz" por continuar com Ronaldo na próxima temporada - mundo - esporte

Teremos o maior prazer em ouvir seus pensamentos

Deixe uma Comentário

N1 Sergipe